17 janeiro, 2011

2011, um Ano que não começa bem para todos

                                                                                                                                                                              O ano de 2011 já decorre, à parte do desejável e das felicitações e desejos expressos por todos nós, vivemos um período de grande conturbância, quer no nível político, social e humanitário, quer por via da natureza e das catástrofes que se seguem umas, seguidas de outras em qualquer ponto do nosso planeta.
          Saliento duas situações que despertam a atenção, por precisamente terem tido inicio neste novo ano, a Revolução na Tunísia, que despoletou pela morte de um jovem estudante vendedor ambulante que se imolou pelo fogo, em protesto pela polícia o proibir de vender nas ruas, foi a «faísca» que deu origem à Revolução da Tunísia, contra um presidente e um governo corrupto que se perpetuava no poder, há vinte e três anos, esta e outras revoluções que aínda virão, estão relacionadas com a pressão, repressão e exploração do povo. O capitalismo desenfreado e abominável não tem fronteiras. Quero desejar ao Povo Tunísino, melhores dias porque muitas dificuldades e oposição aínda se lhes irá deparar.
           A segunda situação, prende-se com a catástrofe das cheias em várias localidades do Brasil, problema que começa a ser recorrente, principalmente devido ao aquecimento global e aos desrespeitos pela natureza, também já nos aconteçeu por cá na Madeira, e os governos têm que tomar medidas e implementar verdadeiros planos ambientais. Por detrás de tudo mais uma vez o capitalismo e a ganância, quem não se lembra do desastre da ponte de Entre-os-Rios? Pois a culpa morreu solteira, para quem licenciou esses trabalhos, para quem explorou e para quem deu pareceres técnicos favoráveis. A injustiça, a negligência  e a exploração estão por todo o lado, portanto para todas as vítimas destas tragédias, deixo a minha solidariedade e sentimento e fica também uma oração a Nossa Senhora pela voz de Marco Paulo.




34 comentários:

Osvaldo disse...

Saozita;

É bem verdade que todos os anos, todos os meses e todos os dias acontecem catástrofes sejam naturais, temporais, premeditadas ou ocasionais e também verdade que é a humanidade que sofre e a natureza também.
Que a ganância de alguns tubarões seja aniquilada de vez para que o Planêta Azul siga um rumo de paz.
Obrigado por nos oferecer tão bela oração na voz do Grande Marco Paulo.
bjs.
Osvaldo

Lina-solopoesie disse...

SAozita ciaoo.
ERIKa
Sono passata da te per un caffè virtuale ... Ma non ci 6 mai? Ho trovato la porta chiusa.. Ma come sai il postino suona sempre due volte ... Io stanne certa ritornerò :-) ( da me non sfuggirai )
Buon inzio di settimama .. Lina

Maria Lúcia Marangon disse...

Amiga Sãozita, obrigada por sua solidariedade ao povo brasileiro. Que Nossa Senhora proteja a todos que, nesse momento, choram a perda de um ente querido. Nós, brasileiros, estamos fazendo as doações dos materiais que os desabrigados necessitam, mas o consolo para as suas dores só mesmo Deus é que pode lhes dar.
Beijos.
Maria Lúcia

Amor feito Poesia disse...

Já chamei pessoas próximas de "amigo"
e descobri que não eram...
Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada
e sempre foram e serão especiais para mim.

(Clarice Lispector)

Feliz Semana....Beijos meus! M@ria

Ana Martins disse...

Enfim de Volta Sãozita,
Feliz Ano Novo, é o que nós desejamos e sonhamos para todos os povos do mundo, mas infelizmente há uma serie de desastres ambientais que ultimamente têm devastado imensas vidas e destruído tudo à sua volta. Sabemos bem que estas catástrofes se devem à repetição constante do desrespeito do Homem pela natureza, e sabemos também que mesmo assim o Homem teima em repetir sempre os mesmos erros.

Falando dos outros factores que nos privam de sonhar com um mundo melhor, a ganância será talvez o mais gravoso e destruidor pecado do Homem, que apesar de estar em pleno Sec.XXI, continua a não respeitar o seu semelhante.

Beijinho amigo para ti, meu mano e meninos.

Ana Martins

sinfonia disse...

Foi um prazer chegar ao seu blogue
que passarei a visitar.
Tenho um recente
http://sinfoniaesol.wordpress.com
e o mais antigo:
http://intemporal-pippas.blogspot.
com
Saudações
Irene

Valéria Gomes disse...

Olá, minha querida!!!
Pois é, as catástrofes aqui no Brasil não são o primeiro caso e nem serão o último, pois, as famílias mais carentes não podem contar com a boa vontade dos políticos. É lamentável, mas tudo está nas mãos deles e eles não estão nem aí.

Um abraço, amiga!!!

José disse...

Olá Sãozita!

Um post bem actual falando de alguns tipos de tempestades e calamidades, que assolam o nosso planeta neste momento, cujo as causas muito bem apontadas aqui.
A seguir ao vinte e cinco de Abril aqui no Algarve os pescadores,pobres fizeram casas nas Ilhas e em cima das dunas para pôr as redes, e também para morar,os ricos que já tinham casas na cidade, no campo, e fora do país, fizeram também uma na praia, as dos pobres aos poucos têm sido deitadas a baixo, as dos ricos agora nos últimos anos, o mar tem-se encarregado de as deitar algumas ao chão, já ouvi dizer que eles querem ser indemnizados, não deram um tostão pelo o terreno.
No Brasil já me disseram que desta vez não foi só pobres.

Um beijinho,
José.

Alvaro Oliveira disse...

Olá amiga Saozita

Um belo post. Que convida à reflexão. Referindo-me à revolução na Tunísia, outros casos poderão surgir noutros pontos do planeta, pois o capitalismo opressor, avança assustadoramente. E isso acontece porque os povos têm dificuldade em despertar para a realidade. Como exemplo temos o nosso país (infelizmente)
As catástrofes da natureza, acontecem e ~continuarão a acontecer, porque se nada fizermos pela preservação da natureza, muito
teremos para sofrer.
Cumprimentos ao amigo Victor

Beijos

Alvaro

M@ria disse...

A lágrima com o brilho do cristal,
banha o teu rosto, a tua história;
a maior força do bem sobre o mal,
traça as honras da tua vitória...

Oswaldo Genofre

Amor & Paz no seu dia...M@ria

El regalo de tu presencia disse...

A ver si con un poco de suerte y de poner un poco cada uno de nuestra parte las cosas van arreglandose y solucionando los problemas de tantos... que son nuestros problemas.
Besos a todos y suerte

Amor feito Poesia disse...

Que Deus enfeite teu dia,
e beije o teu coração.
Para que tudo se acalme,
e tenha um dia de amor,
de esperança no futuro,
e muito calor humano .

Beijos & Flores.......M@ria

Mariazita disse...

Querida amiguinha
Focas aqui dois assuntos dignos de referência.
Sendo completamente distintos um do outro, têm, contudo, um factor comum: a ganância do Homem.
No caso da Tunísia, que teve na sua origem a imolação pelo fogo do jovem que se manifestou contra a polícia, temos um governo completamente corrupto, que mais não daz do que explorar o povo.
O caso do Brasil é bem diferente - uma catástrofe da Natureza - mas em que a cobiça do Homem também é evidente.
De acordo com informações recebidas de correspondentes meus brasileiros, há dois anos foi feito um estudo exaustivo aos locais onde agora se verificou a tragédia, que apontava para uma série de medidas que deveriam ser tomadas de imediato, com vista a evitar deslises de terras e derrocadas em caso de chuvas persistentes.
Acontece que esse estudo teve o destino igual aos que em Portugal já têm sido feitos, ou seja, a gaveta!
O resultado está à vista.
Pobres povos (brasileiro e português) entregues nas mãos de corruptos gananciosos.
Que aos nossos irmãos brasileiros Deus dê a força de que tanto necessitam para enfrentar tão grande tragédia.

Desculpa ter-me alongado tanto... mas estas coisas mexem comigo.

Beijinhos para a minha filhotinha cansadita.

Carmo disse...

De facto este ano não começou nada bem para o povo brasileiro.

Agora há que segurar as lágrimas e seguir em frente.

Um abraço

Boa semana

Carla Diacov disse...

triste o ocorrido.
belo teu ponto de vista!

beijos seguindo-te!

Carla Diacov disse...

triste o ocorrido.
belo teu ponto de vista!


beijos seguindo-te.

O Guardião disse...

A natureza é imprevisível, mas é previsível que se continuarmos a ter os mesmos maus comportamentos com o ambiente, as calamidades irão ser cada vezmais frequentes.
Cumps

Mgomes - Santa Cruz disse...

Sãozita: Como sempre os fenomenos da natureza faz destas Coisas, Entre os Rios, a responsabilidade neste pais morre sempre solteira nunca é responsabilidade de ninguém, vai ser o caso de ontem nas eleições por causa do novo Cartão do Cidadão que nem tem o numero do eleitor e dai a confusão que deu o ministro disse que ja mandou fazer um inquerito que só serve para gastar papel e nada mais.
Beijos
Santa Cruz

nacasadorau disse...

Querida amiga Sãozita,

Começamos mesmo muito mal... e tudo indica que assim continuaremos... e não falo sequer da reeleição do presidente :))))

Estou a rir com vontade de chorar, mas o que fazer?
Os Governos são culpados, mas muito mais é quem os elege.

Infelizmente, todas as grandes calamidades caem sobre os mais desfavorecidos, os mais inocentes. É uma tragédia atrás da outra e a solidariedade é sempre pedida aos povos e não aos Governos.
Enfim, tema para horas de conversa.
Lamentar não basta, é preciso agir e já.

Tenho no meu Blog este apelo, vou tentar passar tudo, se não der mando-te por e-mail.

Beijinhos a todos, especialmente ao Joãozinho e ao Nuninho.

Sonhadora disse...

Minha querida

Uma beleza de post...de uma ternura extrema.
Eu também estou solidária com o povo Brasileiro, ainda para mais conhecia as zonas que foram atingidas, vivi 2 anos no Brasil e fiquei muito triste,

deixo-te um beijinho no teu coração de ternura.
Sonhadora

Mônica disse...

Saozita
agora fica pelo menos a solidariedade dos brasileiros e de outras pessoas.
Obrigada pelo belo texto
com carinho Monica

aikatherine disse...

Foi muito interessante descobrir essa história de tocar, eu estava pensando as mesmas coisas. é uma grande preocupação, não mais danos, mas um pequeno homem pode fazer pouco, mas quando muitos milhões torna-lo um pouco, talvez seja o fato de que o mundo precisa de ajuda. Forças de uma irmã, eu estou envolvido no espírito de oração e eu vou dar dinheiro para a coleção, espero que essa ajuda, essa notícia também a situação Hati, que concede eles estão indo, que é tão ruim que leva o último sofre de esperança. Ainda não será divulgado.

wallper.lima disse...

Tive q/me ausentar por um tempo e de certa forma valeu, pois fiz algumas mudanças no Wallarte, trazendo algumas novidades que modéstia parte ficou maravilhoso!
Espero contar com sua presença que pra mim é mto importante...
Sobre a postagem achei mto relevante, pois enquanto a humanidade não entender que devemos nos unir, e formar uma só força, jamais chegaremos a lugar nenhum...temos que acordar antes que seja tarde, para descobrir o qto é importante ´preservar o planeta!
Abfraços.
Waleria Lima.

Desnuda disse...

Querida irmã de coração,

Realmente não começou nada bem. E já surgiram outras somadas a estas. Quanto ao Brasil agradeço de coração o seu pronunciamento e solidariedade. É uma tragédia climática das maiores, infelizmente. Cenas de horror! Tantos mortos que ficavam expostos sem lugar para colocar tamanho número de corpos ( alguns ficaram em frigoríficos a espera) e o cheiro terrível da putrefação de tantos corpos tomaram conta das cidades. Familiares em desespero a procura dos seus entes queridos. Um numero altíssimo de óbitos e sobreviventes em estado de choque em situação miserável e desesperadora. Abateu-me grande tristeza e fiquei mesmo com a alma abatida e desanimada durante tantos dias que nem sei. Coisas estranhas andam acontecendo. Até um tornado no RJ onde a geografia não favorece estas manifestações aconteceu pela primeira vez bem próximo a minha localidade. Agora estou melhorando....Mas é duro encarar uma realidade cruel e absurda que certamente poderia e deveria ser evitada e com tantos óbitos. Estarrecedor!

Deixo um carinhoso beijo e acolhedor abraço.

wallper.lima disse...

Olá! Tdo bem?
Realmente todos esses episódios mexem mto com a gente, é mto triste, e passam os anos, tdo é esquecido e nada fazem pra mudar esse cenário de abandono.
Tive que me ausentar um tempo, mas estou de volta, e estou com novidades, e uma postagem mto linda no Wallarte.
Bjocas.
Waleria Lima

Macá disse...

Olá Saozita
Pois é o ano começou conturbado mesmo. Aqui no Brasil começamos ajudando o pessoal do estado do Rio de janeiro, depois Minas Gerais, e ainda São Paulo, onde uma amiga nossa, blogueira, perdeu tudo. Só conseguiu salvar-se e aos filhos. Muito triste. Mas, dias melhores virão.
bjs

Marilu disse...

Querida amiga, realmente o ano de 2011 para nós brasileiros começou de maneira trágica, enchentes violentas em quase todos os estados brasileiros, São Paulo extremamente castigado pelos fortes temporais, quase 40 mortos. Mas os delizamentos no estado do Rio de Janeiro foram catastróficos, parece uma tsunami que varreu do mapa várias cidades, temos quase 1000 mortos, isso sem contar com milhares de pessoas desaparecidas. O ser humano tem que ter mais respeito pela natureza, ou tragédias como essas serão uma constante. Tenha um lindo final de semana. Beijocas

Francisco Domingues disse...

Olá, Saozita!
Entrei para conhecer seu blog e seu perfil e desejar-lhe um óptimo 2011. Gostei do tema que abordou: tudo aponta - catástrofes políticas, sociais ou outras - para uma urgente mudança de modelos económico-financeiros, políticos e sociais que preconizo. É disso que me ocupo e, por isso, convido-a a participar. Queria também deixar um pensamento talvez tolo, mas interessante para quem gosta de questionar o legado dos nossos antepassados:
Acabámos de celebrar o Natal e... sabia que o Natal não existe? Curioso, não é?
Pois: o Natal foi inventado pela Igreja para “cristianizar” as festas pagãs em honra dos deuses solares, Mitra e outros, que se celebravam, por todo o império romano, ao redor do solstício de Inverno, como início do renascimento para uma vida nova, a da Primavera. Teve o seu aparecimento no s. IV, na Igreja Ocidental (25 de Dezembro – calendário Gregoriano) e no s. V na Oriental (7 de Janeiro – calendário Juliano). A narrativa do nascimento de Jesus de Mateus, ampliada por Lucas (nada sendo referido nem em Marcos nem em João), uma e outra são puras invenções sem qualquer credibilidade histórica nem qualquer verosimilhança (No inverno, os pastores não dormem ao relento...) Portanto, o Menino Jesus do catecismo não existiu. Muito menos o Deus Menino! E o mundo inteiro festeja algo de inexistente... Dá que pensar, não dá? (Ver mais no meu blog “Em nome da Ciência” cujo acesso é: http://ohomemperdeuosseusmitos.blogspot.com)
Agora, associando-me ao luto de nossos irmãos brasileiros e fazendo votos para que semelhantes tragédias não voltem a acontecer aí no país irmão, uma outra ideia: apesar das catástrofes que vão acontecendo pelo mundo, com muita probabilidade provocadas pelas alterações climáticas e ambientais devidas à acção do Homem, o mesmo Homem, através dos seus governos subjugados aos interesses económico-financeiros de alguns (5% da população mundial, isto é, os que detêm 95% da riqueza produzida à face da Terra), não vai pôr-lhe cobro; preferirá assistir a novas catástrofes em que, como de costume, os mais fracos e pobres são os que irão continuar a sofrer. Inutilmente! Há que lutar para mudar estes sistemas e estes modelos não só políticos mas também económico-financeiros. Como? – Ver no meu blog “Ideias-Novas” cujo acesso é: http://ummundolideradopormulheres.blogspot.com
Francisco Domingues

Imagem e Poesia disse...

Querida amiga, você colocou bem esses "acidentes comportamentais".
Você identificou também causas/culpas e indicou algumas alternativas para que tenhamos mais paz e tranquilidade em todo o mundo, mas, infelizmente, os donos do poder não pensam como nós.
Bonita oração. Devemos sim, rezar muito para que Deus toque ao coração de todos os dirigentes de cada nação.
Beijinhos,
Ceiça

José Sousa disse...

Olá querida amiga Sãozita!
Adoro ler o que escreves, pois os teus escritos são cultura. Gosto de ler, mas têm de ser artigos como escreves. Assim sim!

Passa um bom Domingo e tem uma alegre semana. beijo

nacasadorau disse...

Querida amiga Sãozita!

Tens presentinho aqui
http://nacasadorau2.wordpress.com/

Abração :)

Mgomes - Santa Cruz disse...

Sãozita: Está tudo bem contigo e familia espero que sim, tens andado um pouco fugida, acabei por postar uma palermice no meu blog em homenagem a doce ave sem asas.
Beijos
Santa Cruz

Mariazita disse...

Filhotinha
Venho só deixar-te um beijinho de boa noite.
Vou fazer óó para ver se amanhã acordo melhor das tonturas.
Mil beijinhos.

Marilu disse...

Querida e amada amiga, saudades de você também, sinto falta de suas belas postagens, você mora no meu coração. Tenha um lindo final de semana. Beijocas

international wiews

Assine a Petição (click na imagem)

Pesquisar neste blogue

Joseph Addison

"A amizade desenvolve a felicidade e reduz o sofrimento, duplicando a nossa alegria e dividindo a nossa dor"




Labels

Sites úteis para bloggers

Flag counter 27.06.10

free counters
Related Posts with Thumbnails