14 junho, 2010

ACALANTO












Acalanto

Noite após noite, exaustos, lado a lado,


digerindo o dia, além das palavras


e aquém do sono, nos simplificamos,

despidos de projetos e passados,


fartos de voz e verticalidade,


contentes de ser só corpos na cama;

e o mais das vezes, antes do mergulho


na morte corriqueira e provisória


de uma dormida, nos satisfazemos

em constatar, com uma ponta de orgulho,


a cotidiana e mínima vitória:


mais uma noite a dois, um dia a menos.

E cada mundo apaga seus contornos

ao aconchego de um outro corpo morno.



BRITTO, Paulo Henriques. Macau. São Paulo: Companhia das Letras, 2003.

AUTOR: Paulo Henriques Brito ( Rio de Janeiro, 1951) é um poeta, professor e tradutor brasileiro.
Em 2003 lançou o livro Macau, 2004 lançou o livro de contos Paraísos artificiais e, mais recentemente, em 2007, lançou Tarde, seu novo livro de poemas.

31 comentários:

Deia disse...

Saozita, que texto maravilhoso! Muitos dias me deitei com esse mesmo pequeno prazer: um dia a menos! Gosto mais quando me deito e penso "mais uma noite a dois". Um beijo minha amiga, Deia.

Linda Simões disse...

Ahh,Sãozita!

Poesia é sempre um aconchego para nossa alma...

Bela escolha.


Boa semana

Saozita disse...

Olá Linda desde já agradeço a sua visita em meu blogue. Aínda estou no começo, meu blogue é muito recente e vou tentar colocar posts interessantes, concordo que a poesia é um aconchego para a nossa alma, pois a poesia é em si o reflexo de um estado de alma.
Uma boa semana para si também.
Bj

Ana Martins disse...

Boa noite Sãozita,
já deves estar a adivinhar o quanto gostei deste post, conheces bem a minha paixão pela poesia e o quanto um belo momento poético me satisfaz, o que foi o caso hoje aqui.

Grata pela partilha.

Beijinhos,
Ana Martins

AFRICA EM POESIA disse...

sãozita
Uma semana linda para ti.
Eu regresso à escola quinta feira para me despedir dos meus alunos pois estes 15 dias foram de estaleiro.
Mas vou ficar boa tenho certeza.


Sábado estaremos juntas

Linda Simões disse...

Saozita,

a poesia é em si o reflexo de um estado de alma,assim como a música.


Está muito bonito o seu blog,parabéns. Tem um bom professor e uma bela madrinha de blog.

Bj,

continuação de boa semana

alegria de viver disse...

Olá querida

Bonita esta poesia, aconchegante.

Com muito carinho BJS.

Amor feito Poesia disse...

As Vezes construímos sonhos em cima de grandes pessoas... O tempo passa... e descobrimos que grandes mesmo eram os sonhos e as pessoas pequenas demais para torná-los reais!

Bob Marley

Feliz Noite e beijos meus! M@ria

Alguém... disse...

Um corpo morno que nos aconchega durante a noite :)
Gostei muito, e claro que podes visitar-me, será sempre bem vinda :)

Beijinho grande*

Em@ disse...

Olá,
vim agradecer a visita ao meu blog e o rasto deixado em forma de comentário.
Gostei do que vi. Pendurei-me ali num dos quadradinhos da direita para não em esquecer de voltar.
beijo

Parabéns pelo aniversário do filho mais novo.

Fernanda disse...

Amiga Sãozita,

Lindo demais.
Perfeito! Maravilhoso!
Fico sem adjectivos qualificativos.
"mais uma noite a dois, um dia a menos."
Se todos os dias e noites forem assi preenchidos, a vida será sempre abençoada,

Beijinhos

Fernanda disse...

Sãozita, amiga!

Ficou por dizer que adoro o teu novo visual.
Parabéns.
Mais beijinhos

RETIRO do ÉDEN disse...

Não tenho palavras para lhe expressar o meu pesar.
Quem sou eu?...para a ajudar por palavras, a minimizar tamanha perda...pois não há perda maior em nossas vidas.
Mas meu coração me diz...como estamos actualmente a viver neste mundo? DEUS sabe o que faz e provavelmente ELE quis mais um Anjo para o ajudar nesta árdua tarefa...e além de tudo o mais, tenha a certeza que esse "Anjo" mora na Casa do Pai e não veio ao mundo para perder a sua alma. É a única aceitação possível para se levar o dia a dia, ainda por cá, até ELE os juntar no Céu.
O meu abraço e desculpe-me se fui intrometida ou disse algo que a melindrasse.
A sua visita foi muito importante, sempre que queira, passe pelo "retirito".
Um forte e grande abraço muito apertado.
Mer

Machado de Carlos disse...

Fiquei muito contente. Felicito-te pelo Acalanto!
O meu Blogue está de portas aberta para ti. Seja bem-vinda!
Um Grande Abraço!

G. disse...

Olá, Saozita... Tudo bem? Espero que sim! Muito obrigado pela presença no "Memorial de Outono" e obrigado ainda mais por ampliar as informações sobre Stephen Biko. Inclusive, peço desculpas pois a fonte de pesquisa que procurei publicou algumas pequenas diferenças de informações, que já chequei e comparei com as que você me passou. Você estava certa e já tratei de atualizar o post. Agradeço muitíssimo a sua interatividade, colaborando com a qualidade dos posts de meu espaço! Grande abraço, em breve estarei visitando seu blog com mais tempo, para conhecê-lo um pouco melhor... Felicidades!

Mariazita disse...

Querida Sãozita
Gostei imenso deste poema, e não conheço, de todo, o poeta. Preciso informar-me a respeito dele. Gosto sempre de conhecer os autores das obras que leio, quer em prosa quer em poesia.
Foi uma boa escolha.

Já devia ter cá vindo agaradecer o seu comentário na "CASA", de que gostei imenso. Mas estou com um problemita de visão. Eu uso óculos; ontem parti uma lente e hoje tive que ir ao médico para me passar a receita para mandar fazer outra lente (são progressivas).
Tive tanto azar que hoje houve greve dos maquinistas da Carris. Estive meia hora dentro dum comboio à espera que ele se pusesse a caminho. No regresso nem havia cmboios. Consegui apanhar um transporte alternativo, um autocarro que parava em tudo que era sítio. Enfim, uma odisseia para esquecer. Mas já fui encomendar a lente. Agora o que acontece é que não vejo muito bem para o computador... de modo que faço tudo ao "rallenti" :)))
Desculpe, estou para aqui com conversas que não interessam nada, mas... desabafei.
Um beijinho muito grato, e votos de noite feliz.

Pena disse...

Olhe, Simpática e Amável Poetiza Amiga:
Fiquei estupefacto com tanta pureza, encanto e beleza do seu lindo e perfeito blogue de sonhos.
"...contentes de ser só corpos na cama;
e o mais das vezes, antes do mergulho
na morte corriqueira e provisória
de uma dormida, nos satisfazemos
em constatar, com uma ponta de orgulho,
a cotidiana e mínima vitória:
mais uma noite a dois, um dia a menos.
E cada mundo apaga seus contornos..."

Possui uma capacidade poética "explosiva" de maravilhar a sua doce poesia. Irreal e fabulosa.
Parabéns sinceros. Adorei a expressão dos seus sublimes versos, bem como, todo o blogue.
Bem-Haja, pela sua amizade expressa de forma respeitadora e enorme de gentileza no meu blogue. MUITO OBRIGADO!
Sabe, o seu versejar é ENORME e soberbo.
Beijinhos amigos de estima e imensa consideração pelo seu harmonioso talento poético.
Com deslumbre e admiração.

pena

Excelente, amiga!
É uma honra ser seu seguidor. OBRIGADO de novo.

Saozita disse...

Caro e estimado amigo Pena, gostei imenso do seu comentário bastante ilogioso, claro para quem escreveu este admirável poema, escrito de forma muito peculiar e talentosa. O autor é Paulo Henriques Britto, poeta brasileiro.
No entanto e partilhando um pouco tão grande ilogio, espero que continue a visitar este meu espaço.

Tenha uma boa noite.
Bj

Lina-solopoesie disse...

Saozita
Ciao .
Bella questa poesia .. esprimi molto bene il pensiero dell'amore ..
Ci sono persone che hanno una miniera di emozioni da regalare, commettono il sacrilegio di sacrificare se stesse ad una non ben

identificata morale... cosa c'è di più bello che amare ed essere amati, donare e ricevere piacere.
a nome dell'amore .. complimenti Saozita .
UN BACIO LINA

Ana Karenina disse...

Olá Saozita

Muito obrigada pela visita e comentário no meu blog, você foi muito gentil com suas palavras, adoro esse tipo de interatividade entre leitor e blogueiro. Sinta-se sempre a vontade para aparecer,ler e comentar o quando e o quanto quiser.

Temos uma promoção no blog para comemorar os 2 anos de aniversário do blog fique a vontade se quiser participar.

Um abraço :)

Dulce disse...

Saozita, vim agradecer sua visita ao prosa e conhecer seu espaço, que achei muito lindo, cheio de paz. Tanto gostei que por aqui fico também.
Muito obrigada e uma ótima semana para você

Irene Moreira disse...

Saozita
Estou aqui a conhecer a sua casa.
Fico vislumbrada ao ser recebida por tão lindo poema- Acalanto - falar de uma noite a dois,do amor em sua plenitude.
Beijos

Valéria Gomes disse...

Olá, querida!!!
Muito lindo o seu canto! As letras caíram sobre mim, como chuva de pétalas de rosas.
Venha visitar-me sempre que de mim, sentires saudade, ou mesmo, nem espere a saudade chegar. A casa já é sua.

Beijos de passarinho!!!

Mariazita disse...

Minha querida amiga.
Muito obrigada pelas suas visitas e palavras elogiosas no meu blog "LÍRIOS": mas, sobretudo, obrigada, de coração, pelo seu carinho.
Bem haja!

Resto de dia feliz. Beijinhos muito amigos

Mariazita disse...

Minha querida
Não quero roubar-te tempo; trata dos filhotes que estão em primeiro lugar.
Só quero pedir-te que vás ao meu blog "HISTÓRIAS" ver o último post. Não vou dizer-te porquê :) Lá descobres o motivo. Não vás lá a correr. Há muito tempo. Olha os filhotes...
Beijinho para eles e para ti.

Maria José disse...

lindo e aconchegante poema. Obrigada por sua visita. Vim retribuir e dizer-lhe que seu canto é muito especial. Voltarei outras vezes, com certeza. Beijos e fique com Deus.

Livinha disse...

Sãozita,
Encantada me sinto de receber-te em meu recanto e lá deixar teu comentário e o caminho para aqui me ter com você.
Aqui expressas sentidos, mostras o todo coração que trás em ti.
O poema de autoria por mim desconhecida, de profundas palavras e real fatores da vida, quando ao fim de uma travessa diária, deitamos corpos nas camas, ainda que no aconchego, perde-se nas falas, como corpos que ensaiam morte provisórias na corrida do tempo.
Ficarei feliz de receber-te sim sempre no meu aconchego, onde desvelo minhas horas talvez ainda inacabadas. Assim ficarei mais feliz ainda na permissão tua de poder voltar.
Lindo teu recanto. parabéns!!!

Sinta desde já o meu abraço de
bem vinda.

Bjs

Livinha

lita duarte disse...

Saozita, oi.

É um prazer vir aqui.

Que versos bonitos.

Obrigada por me visitar.

Beijos.

Bordados e Retalhos disse...

Querida Sãozita, obrigada pela visitinha e pelo recado carinhoso no meu blog. Adorei passar por aqui,seu filho é lindo e amei o posto sobre o escritor paulo Henrique Britto. Bjs

Lina-solopoesie disse...

SAOZITA.
Eu queria te dizer que eu raramente posto da atualização, mas quando você coloca um novo post vir e me dizer que eu estarei para ler e deixar um comentário ... Olá em breve Lina
***
IN ITALIA
Volevo dirti che io il post lo aggiorno raramente però quando posti tu un nuovo post vieni a dirmelo così vengo subito a leggerlo e ti lascio il commento... ciao a presto Lina

Desnuda disse...

Sãozita!

Não conhecia este autor. Obrigada, amiga. Estou encantada!


Carinhoso beijo.

international wiews

Assine a Petição (click na imagem)

Pesquisar neste blogue

Joseph Addison

"A amizade desenvolve a felicidade e reduz o sofrimento, duplicando a nossa alegria e dividindo a nossa dor"




Labels

Sites úteis para bloggers

Flag counter 27.06.10

free counters
Related Posts with Thumbnails